NASA premia pesquisador do INPE por melhoria em modelo climático

Saulo Ribeiro de Freitas, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), recebeu o “Award for Scientific Achievement” por seu trabalho no grupo de modelagem e assimilação de dados climáticos (GMAO) da agência espacial norte-americana (NASA).

Freitas é pesquisador do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do INPE e, desde 2000, atua em estreita colaboração com o centro de pesquisas da NASA.

Seus estudos abrangem os seguintes temas: poluição do ar e química atmosférica, parametrização de convecção e de superfície, dinâmica, queimadas e seus impactos em mudanças do tempo, clima e saúde pública, previsão numérica de tempo integrada com química e aerossóis atmosféricos.

No GMAO, foi reconhecido por aperfeiçoar esquemas de convecção rasa e profunda e pela recalibração da camada limite e da microfísica da nova versão do GEOS, o modelo climático global da NASA.

Conforme o certificado abaixo, o brasileiro contribuiu para a mais significativa melhoria de desempenho na história dos sistemas GEOS.

 

Texto e Fonte: INPE

Foto: Carlos Siqueira

Compartilhe:
Veja também  Variação de atividades e estímulos protege cérebro do Alzheimer