Brasil, 22/08/2019

Curso oferece capacitação a profissionais de meio ambiente para atuação no mercado

Destinado a profissionais recém-formados ou sem experiência na área de consultoria ambiental, curso de formação de consultores atrai interessados

dino

Belo Horizonte, 13/08/2019 –

Em um mundo cada vez mais preocupado com a sustentabilidade, aonde a imagem corporativa é constantemente atrelada à postura sobre as questões ambientais, o profissional de meio ambiente tem ganhado espaço dentro e fora das organizações.

As práticas de compliance ou conformidade buscam adequar as atividades corporativas à legislação vigente para evitar danos ambientais causados pelo processo produtivo das empresas. Os estudos pertinentes aos processos que buscam a regularização dos empreendimentos são elaborados por consultorias ou consultor ambiental autônomo.

A consultoria ambiental é um setor amplo, capaz de empregar profissionais de diversas áreas, pela necessidade de compor equipes multidisciplinares para cada tipo de demanda.

Para desenvolver um Estudo de Impacto Ambiental (EIA) , por exemplo, pode ser necessário montar uma equipe que envolva as áreas de engenharia ambiental, biologia, geografia, sociologia, comunicação, arqueologia, pedagogia, espeleologia, geologia, engenharia florestal, dentre outras.

Dependendo da complexidade dos projetos, o mercado começa a buscar profissionais para demandas específicas. A consultoria ambiental é uma grande área que pode ter inúmeras ramificações.

Quando se pensa em trilhar um caminho profissional, independente do curso envolvido, é fundamental que a universidade ofereça em sua grade curricular conhecimentos práticos. Em cursos ligados à área de meio ambiente, como engenharia ambiental, as instituições de ensino mostram-se deficientes quando o assunto é consultoria ambiental na prática.

“Só no último período do curso é que fui aprender um pouco sobre licenciamento ambiental . Existe uma dificuldade em entrar nesse mercado para quem não tem experiência, muitos dos meus colegas ainda não conseguiram”, comenta a estudante Laís Godinho, que cursa o 10º período de engenharia ambiental e já trabalha na área.

Segundo a estudante, o profissional recém-formado ou que ainda está na faculdade e quer atuar em consultoria ambiental, mas não tem experiência, deve buscar se capacitar e tentar entender a estrutura do licenciamento. Procurar saber qual a legislação pertinente, os estudos ambientais envolvidos e as implicações quanto à classe do empreendimento, foram algumas das dicas dadas.

Na contramão, uma empresa de consultoria ambiental, ao invés de fechar as portas para os recém-formados e demais profissionais sem experiência na área, preferiu capacitá-los.

A Trilho Ambiental , consultoria localizada em Belo Horizonte, criou um curso para formação de consultores ambientais, que propõe capacitação teórica e prática para quem deseja atuar na área e desenvolver habilidades para competir no mercado brasileiro.

O curso será dividido em 10 (dez) módulos ministrados por professores que atuam diretamente em atividades ligadas à consultoria ambiental. Os temas abrangem desde empreendedorismo à gestão ambiental. Maiores informações, podem ser acessadas clicando AQUI .

Website: https://www.trilhoambiental.org/

Compartilhe: